terça-feira, 24 de abril de 2012

De Coração a Coração: AS ENERGIAS DA NOVA TERRA - Março de 2012

De Coração a Coração: AS ENERGIAS DA NOVA TERRA - Março de 2012: AS ENERGIAS DA NOVA TERRA Março de 2012 Mensagem canalizada através de Célia Fenn 13 de Março de 2012 A NOVA TERRA MULTIDIMENSIONAL ...

De Coração a Coração: 51 SINTOMAS DO DESPERTAR ESPIRITUAL

De Coração a Coração: 51 SINTOMAS DO DESPERTAR ESPIRITUAL: 51 SINTOMAS DO DESPERTAR ESPIRITUAL   1. Mudança no padrão de sono Perturbações durante o sono, pés quentes, acordar duas ou três ...

quarta-feira, 15 de junho de 2011



NOVO LIVRO

 
O Livro "Não Estamos Sós. Uma Mensagem Espiritual dos Embaixadores Cósmicos de Deus"de Carlos Carvalho, acabou de ser publicado pela Editorial Maitreya.





NÃO ESTAMOS SÓS
de Carlos Carvalho

www.publicacoesmaitreya.pt

Publicações Maitreya - Editora



quarta-feira, 23 de março de 2011


OSHENGRAH

é um mundo de Paz, de Amor, de Dedicação, uma nova hipótese de vida, imagem do Paraíso prometido






quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009

2009 É O ANO!!!



É preciso fazer urgentemente um Trabalho de 1º Nivel:

Desenvolver a Presença do Espírito.
Caminhar todo o caminho de Dor Sofrimento da Infância, enfrentar os pontos fracos, os medos e as inseguranças para superá-los, desenvolvendo a autoconfiança e trabalhar a Recta Acção. Repousar na Tranquilidade.

Convidar toda a gente a desenvolver o primeiro curso de Auto-conhecimento, a verdadeira Autocura, reformular as Raízes, saber eliminar as fontes envenenadas do Ser Ilusório.


31.10.08 - 08h08
Carlos Carvalho

segunda-feira, 2 de fevereiro de 2009



PUJAS
Pujas são preces cantadas que fazemos aos seres sagrados. Fazer preces é a coisa mais importante que devemos fazer. Por detrás de cada palavra de uma prece, existe uma motivação. Se rezarmos prestando atenção no que estamos falando, isso nos ajuda a criar dentro nós motivações virtuosas, sagradas.
Quando rezamos para Avalokiteshvara, por exemplo, estamos misturando nossos pensamentos com Compaixão e Amor, porque Avalokiteshvara é a corporificação da compaixão de todos os Budas. O mesmo raciocínio se aplica para todas as outras preces.
Os budistas costumam trazer oferendas aos pujas: águas, sucos, refrigerantes, bolos, biscoitos, doces, flores, etc। Nós fazemos isso porque estamos convidando esses seres sagrados para virem à nossa presença। Quando recebemos uma visita em casa, queremos que ela se sinta bem e que desfrute do melhor que temos a oferecer. Quando fazemos preces, estamos fazendo um convite para convidados muito especiais: os Budas.
Nas oferendas, não são admitidas bebidas alcoólicas e carne de qualquer espécie (branca ou vermelha).

sexta-feira, 30 de janeiro de 2009



Esta marca procura superar a instintiva ilusão de que possuímos uma auto-natureza, um eu ou ego (sânsc. atman, páli atta). De acordo com a filosofia hindu, esse "eu verdadeiro" seria uma entidade pessoal intrínseca, imutável, independente, atemporal e indestrutível. Porém, o Buddha descobriu que essa individualidade não existe de forma inerente ou duradoura; não há algo separado que experimente os fenômenos. A partir da ignorância — isto é, da crença no "eu" — surge os venenos mentais da cobiça — o "eu quero" — e da aversão — "eu não quero".Apesar de dizermos "meu corpo, minha mente", não há um "eu" que seja o dono do corpo e da mente. Aquilo que convencionalmente chamamos de "eu" ou "ego" não existe por si mesmo como uma essência concreta, substancial. Ele surge apenas de forma relativa e dependente de cinco agregados — forma, sensação, percepção, vontade e consciência. Esta ausência de uma identidade imutável e independente foi chamada pelo Buddha de não-eu ou não-ego (sânsc. anatman, páli anatta). Ao contrário da crença errônea em uma individualidade inerentemente existente (sânsc. pudgala-atmagraha), o Buddha apresenta a ausência de existência inerente da individualidade (sânsc. pudgala-nairatmya).
Tendo eliminado todas as idéias com respeito ao "eu", sempre plenamente atento, veja o mundo como vazio. Dessa forma, uma pessoa está acima e além da morte.

(Pingiya Manava Puccha, Sutta Nipata V।16)



Todos temos um claro senso de individualidade, um senso do "eu"। Sabemos a quem estamos nos referindo quando pensamos: "Vou trabalhar", "Estou indo para casa" ou "Estou com fome"। Até os animais têm uma noção de identidade, embora não possam expressá-la em palavras do modo como podemos. Quando tentamos identificar e entender o que é esse "eu", fica muito difícil apontar com precisão. Na antiga Índia, muitos filósofos hindus especularam que esse "eu" seria independente da mente e do corpo da pessoa. Eles sentiram que deveria existir uma entidade que pudesse proporcionar continuidade entre os diferentes estágios do "eu", tais o "eu" de "quando eu era jovem" ou de "quando eu ficar velho" e mesmo o "eu" numa ida passada e o "eu" numa vida futura. Como todos esses diferentes "eus" são transitórios e impermanentes, sentia-se que deveria existir algum "eu" unitário e permanente que possuísse aqueles diferentes estágios da vida. Essa foi a base para postular um "eu" distinto da mente e do corpo. Eles o chamaram de atman. De fato, todos aceitamos tal noção de "eu". Examinando como percebemos esse senso de "eu", nós veremos que o consideramos o cerne de nosso ser. Não o experienciamos como um conjunto de braços, pernas, cabeça e tronco, mas em vez disso pensamos nele como o senhor dessas partes. Por exemplo, não penso em meu braço como "eu", penso nele como "meu braço"; e penso em "minha mente" do mesmo modo, como pertencendo a mim. Somos levados a reconhecer que acreditamos em um "eu" auto-suficiente e independente no cerne de nosso ser, possuindo as partes que nos formam.O que há de errado nessa crença? Como esse "eu" imutável, eterno e unitário, que é independente da mente e do corpo, pode ser contestado? Os filósofos buddhistas afirmam que o "eu" só pode ser entendido em relação direta com o complexo mente-corpo. Eles explicam que, se existisse um atman ou "eu", ele teria que ser separado das partes impermanentes que o constituem — a mente e o corpo — ou teria que ser uno com essas partes. No entanto, se fosse separado da mente e do corpo, não seria pertinente, visto que não teria nenhuma relação com eles. E sugerir que um "eu" permanente e indivisível pudesse ser uno com as partes impermanentes que constituem a mente e o corpo é absurdo. Por quê? Porque o "eu" é único e individual, enquanto as partes são numerosas. Como pode uma entidade sem partes ter partes?Desse modo, qual é a natureza desse "eu" com o qual estamos tão familiarizados? Alguns filósofos buddhistas inclinam-se para o conjunto de partes da mente e do corpo e consideram o "eu" a soma delas. Outros afirmam que o continuum de nossa consciência mental deve ser o eu. Existe também a crença de uma alguma faculdade mental separada, uma "mente base de tudo", é o "eu". Todas essas noções são tentativas de ajustar nossa crença inata em um "eu" substancial, ao mesmo tempo que se reconhece a insubstancialidade da solidez e permanência que naturalmente atribuímos a ele.


(Dalai Lama, Um Coração Aberto)

INVOCAÇAO A TARA VERDE E AS VINTE E UMA TARAS:


Po-ta-la-yi ne-chog-ne

Tam-yig Jang-gü le-tung-shing

O-peg me-kyi u-la-gyen

Dhu-sum sang-gye tin-le-ma

Dreul-ma khor-che shog-su-seul


Da suprema terra do Potala, ó Mãe Tara, nascida da sílaba semente de cor verde TAM, executora das ações de todos os Buddhas dos três tempos, adornada com o Buddha Amitabha no alto de sua cabeça, eu suplico que venha, juntanente com toda sua assembléia, preencher o espaço diante de mim.



HOMENAGEM A TARA:


Lha-dang

la-min

tcho-pen-gyi

Shab-tyi pe-mo latu-de

Phong-pa kun-le dreul-dze-ma

Dreul-ma yum-la Chang-tsel-lo


Com suas coroas os deuses e semi-deuses se inclinam diante de seus pés de lótus. Para a Mãe Tara, libertadora de todos os medos, eu me prosterno.



OM TARE TUTTARE TURE SOHA
(Tara = Mãe)
Ana Magda

Mantras Tibetanos das 21 Taras


Mantras Tibetanos das 21 Taras


1 - OM TARE TUTARE TURE SOHA
Tara Verde Deusa das Deusas A fonte das outras 21 emanações
2 - OM BANZA TARE SARVA BIGANEN SHINDHAM KURU SOHA
Tara que impede desastres
3 - OM TARE TUTARE TURE MAMA SARVA LAM LAM BHAM DZALA BHAYA SHINDHAM KURU SOHA
Tara que impede calamidades
4 - OM TARE TUTARE TURE MAMA SARVA BHAM BHAM DZALA BHAYA SHINDHAM KURU SOHA
Tara que impede destruição forjada pela água
5 - OM TARE TUTARE TURE MAMA SARVA RAM RAM DZALA BHAYA SHINDHAM KURU SOHA
Tara que impede destruição forjada pelo fogo
6 - OM TARE TUTARE TURE MAMA SARVA YAM YAM DZALA BHAYA SHINDHAM KURU SOHA
Tara que impede destruição forjada pelo vento
7 - OM RATANA TARE SARVA LOKA JANA PITEYA DARA DARA DIRI DIRI SHENG SHENG DZA DZAANJIA NA BU SHENG KURU UM
Tara que aumenta a sabedoria
8 - OM TARE TUTARE TURE MAMA SARVA EH EH MAHA HANA BHAYA SHINDHAM KURU SOHA
Tara que impede calamidades que vem do céu
9 - OM TARE TUTARE TURE MAMA SARVA DIK DIK DIKSHENA RAKSHA RAKSHA KURU SOHA
Tara que impede destruição causada por exércitos
10 - OM TARE TUTARE TURE MAMA SARVA RANDZA DUSHEN DRODA SHINDHAM KURU SOHA
Tara que impede calamidades que vem do inferno
11 - OM TARE TUTARE TURE MAMA SARVA DZORA BENDA BENDA DRKTUM SOHA
Tara que impede o mal caudado por ladrões
12 - OM BEMA TARE SENDARA HRI SARVA LOKA WASHUM KURU HO
Tara que aumenta o poder
13 - OM TARE TUTARE TURE SARVA DUSHING BIKANEN BHAM PEH SOHA
Tara que impede o mal causado por demônios
14 - OM TARE TUTARE TURE SARVA HAM HAM DUSHING HANA HANA DRASAYA PEH SOHA
Tara que impede o mal que afeta o gado
15 - OM TARE TUTARE TURE SARVA HEH HEH DZALEH DZALEH BENDA PEH SOHA
Tara que impede o mal causado por bestas selvagens
16 - OM TARE TUTARE TURE SARVA DIKSHA DZALA YAHA RAHA RA PEH SOHA
Tara que impede o mal causado por veneno
17 - OM GARMA TARE SARWA SHATDRUM BIGANEN MARA SEHNA HA HA HEH HEH HO HO HUNG HUNG BINDA BINDA PEH
Tara que subjuga demônios
18 - OM TARE TUTARE TURE SARVA DZARA SARVA DHUKKA BRASHA MANAYA PEH SOHA
Tara que cura as enfermidades
19 - OM TARE TUTARE TURE BRAJA AYIU SHEI SOHA
Tara que confere longevidade
20 - OM TARE TUTARE TURE DZAMBEH MOHEH DANA METI SHRI SOHA
Tara que confere prosperidade
21 - OM TARE TUTARE TURE SARVA ATA SIDDHI SIDDHI KURU SOHA
Tara que cumpre o desejo

E lembrem-se sempre, o que conta não é a boa pronúncia tibetana, é simplesmente a INTENÇÃO!
Uma INTENÇÃO BOA faz milagres!

OM AH HUM
Ana Magda

quarta-feira, 28 de janeiro de 2009

JÁ NÃO HÁ MAIS MESTRES NEM GUIAS ASCENCIONADOS


O Céu tem um programa e esse programa deve portar as adaptações necessárias para o seu cumprimento – o Renascer na Terra a Consciência do Homem-Deus e a elevação do Planeta Terra à categoria de um "Mundo de Cristal".
Para isso devemos todos dar o nosso melhor esforço e contributo. Este é o nível de consciência dos Guardiães da Luz. Nós todos o somos, incluindo todos aqueles que lêem a Mensagem e a aceitam no Coração.

Atenção irmãos, é normal que muitos ao nos lerem e ao se identificarem com o conteúdo da Mensagem sejam animados de certo ênfase e vontade de dar a outros esta pérola que o Céu nos manda a todos, mas atenção, cuidai e vigiai para não cairdes em excesso de euforia de forma a dardes a entender aos vossos amigos e familiares ou outras pessoas, que fazeis parte de uma seita ou algo assim.
Não, queridos irmãos e amigos, nós não somos nem igreja institucional, nem grupo e sobretudo, muito menos, UMA SEITA. Também devemos ser tolerantes e NUNCA fanáticos.

Somos ARAUTOS DO CÉU, difundindo a Verdade, GUERREIROS DA LUZ, COMPANHEIROS DA VERDADE, Amigos de CRISTO, dando a conhecer, pela Vontade do Céu, a Igreja de Deus – Corpo Místico de Deus expresso na Humanidade – que é a própria Humanidade unida ao seu princípio Divino (a Imagem de Deus reflectida).
Esta é a Igreja da Alma, ou Igreja Ascencionada de Jesus Cristo, na vivência do Espírito Santo.
Não há uma classe de privilegiados que comunicam com o PAI. Todos podem, todos têm o poder de comunicar com o PAI. Todos vós sois Sacerdotes e Sacerdotisas do Altíssimo.
Se duvidais de algo, perguntai-o directamente ao PAI, com fé profunda e esperai, que o Senhor falará directo no vosso Coração. Auscultai o Coração. Aí, ele vos dará a resposta.
Da mesma forma, não haverão mais contactados com Missão de Guia ou Condução de Grupos.

Agora o importante é que cada um encontre o seu Guia Interno.

Esta é a Verdade. Todos os que vos disserem o contrário não são Discípulos da Luz, são iludidos ou alienados ou então, Apóstolos das Trevas.

PAZ para todos vós. Que a LUZ transforme as vossas consciências no SOL ESPIRITUAL.

Irmão Caminhante (Carlos Carvalho)
in http://www.amorincondicional.com.pt

SOMOS O MESTRE DE NÓS PRÓPRIOS!
O NOSSA MISSÃO É ESPELHAR O MELHOR DE NÓS!
NINGUÉM É DONO DA VERDADE!

A VERDADE É SÓ UMA!
OM AH HUM
Ana Magda Dias

AUTO - CURA


Queridos Amigos e Irmãos,
É muito importante que se saiba trabalhar a Cura, conduzindo-a ao padrão interno, actuando nos níveis dimensionais onde ela é necessária.
Todos os defeitos humanos que entravam a evolução e o encontro com a Hierarquia são passíveis de terem a cura da causa que os gera. Isso exige entre outras coisas capacidade profunda de auto-análise e esforço individual na aplicação do treinamento da vontade.
O trabalho de mudança de personalidade exige a aplicação do discernimento, uma qualidade da Visão Divina. Isto exige um esforço titânico de OBSERVAR-SE constantemente.
Só assim, a LUZ poderá vislumbrar-se, pelo esforço, pela luta, pela conquista individual, realizando a Cura da Personalidade e da Individualidade.

PAZ.
Irmão Caminhante (Carlos Carvalho)



O JOGO DO EGO


Que nunca ninguém se iluda e se creia mais forte do que Satanás. Satanás é a vibração da matéria. Está em nós, reina na ilusão, através do ego que o representa.
Não vos adianta a ninguém gritar e esbracejar que Satanás com ele tem tudo a perder e nada a ganhar. Se algum de vós tomar esta atitude, em verdade já está fazendo o jogo de Satanás (o jogo do ego).
Satanás só se vence pela vigilância constante e pela prática do sentido autocrítico.

PAZ e discernimento nas vossas mentes, com a orientação do Coração.

Irmão Caminhante (Carlos Carvalho)



A estrutura do Ser crístico


E venho agora falar-vos de algo muito importante, a estrutura do Ser Crístico.

Filhos, a Personalidade é cheia de facetas ilusórias. Cada um ao assumir a Individualidade, assume a ilusão da separatividade monádica, crê-se um, em vez de ser o Uno-Todo (UM) da visão Monádica. Julga-se separado da Mónada e assume as capas do Ego.
Aqui, joga com a Personalidade e as suas máscaras (os Gregos representavam bem esta ideia através de "Persona", na sua riquíssima mitologia). A Personalidade serve ao Ego e o Ego serve ao egoísmo e aos seus mecanismos.
Psicologicamente temos a divisão da Consciência esquematizada como ID, EGO e SUPEREGO.
O Ser, na sua expressão na matéria, alimenta-se, logo nos primeiros tempos de vida, de fortes impulsos egoístas, na estruturação do seu ego. É a fase quando a criança é o centro das atenções e as requer permanentemente para si. Mais tarde vai prosseguindo por outras formas de aprendizado, onde, frequentemente e por desconhecimento de educação (1), continua o caminho do egoísmo e fortalecendo as características da Personalidade.
Individualismo, Personalidade e Ego são valores a abater no Caminho do encontro com o Ser Crístico.

Passo a explicar. Darei uma lista de processos volitivos e os seus opostos renunciantes para alcançar a cristicidade.

Querer ----Não querer;

Desejo ----Não desejo;

Ter ----Não ter;

Apego ----Não apego.

Estes quatro estados de prolongamento da personalidade vão dar ao domínio, posse e escravatura.
A humanidade, no seu estado actual é vítima da escravatura, está escravizada aos seus conceitos e filosofias de domínio, consumismo e manipulação.
Os líderes humanos são todos tiranos, pois lideram com o objectivo de domínio, possessão, auto-afirmação, sede incomensurável de poder, exercem a ditadura (mesmo que sejam os mais liberais e democráticos) do ego, pois estão mortos para o Espírito.
Ninguém é dono de ninguém.
Todas as vossas estruturas sociais são violentas, visto que violam a Vontade Maior, pois são apenas expressão das vontades menores de homens sem preparação espiritual no sentido da Verdadeira Espiritualidade que é Amor em Expressão, Verdade, Sabedoria, Justiça e Liberdade. Em tudo isto está presente o AMOR.
Vós sois todos, com o vosso mundo, civilização e conceitos a imagem do anjo caído. Sois "Lúcifer" em acção – a tentação do Espírito – e "Satanás" em expressão – a tentação da matéria.
Lutais e viveis obcecados no dia a dia, por conquistas materiais, por "lutas mil" na finalidade de terdes, possuirdes, procurardes ser, sem reparardes no que, em verdade Sois e continuais Sendo sem o saberdes.
Vendeis a alma ao diabo para terdes carro, casa, uma profissão destacável e segura e constituirdes uma família, para, na maior parte das vezes, quando chegardes ao processo de usufruirdes disso, não conseguirdes desfrutar, porque vos pega uma enfermidade e vos leva deste mundo através do portal da morte.
Entretanto, para conseguirdes esta possibilidade efémera de estabilidade, embrenhais-vos em ocupações, sujeitos a pressões, endividados pela banca que vos suga, trabalhando até à exaustão das forças, não comunicando uns com os outros, levando à dissolução de casais, através de divórcios e separações, não dando atenção devida aos filhos e levando tudo a um verdadeiro "inferno" ou "purgatório" como modelo de lar.
É preciso "ter opinião" porque se não tendes opinião não sois nada neste sistema de coisas. É bom que os "bons" lutem contra os "maus" e os "maus" sejam "extintos", porque "se acabou o nosso mal estar".
Estais cegos, surdos e completamente mortos de consciência.
Quanto sofrimento! Ai de vós que não entendeis o sagrado Mandamento da Lei de Deus – o "Não Matarás" – e seguis semeando um mar de sangue. Quantas guerras! Quanta atrocidade! Quanta IGNORÂNCIA! Tudo sacrificado à defesa e continuidade do vosso sistema capitalista, do vosso império da besta.
Ai, ai de vós! Que será de vós quando vos apresentardes ante o tribunal da vossa Consciência?

Despertai! Vós não sois nada disto que vos credes e em nome do que sacrificais as vossas vidas, as vidas dos vossos irmãos e matais os animais e a natureza.
Isso é o Império da Ilusão, o Império da Besta, este é o Reino 666.
Jesus, uma expressão do Cristo Cósmico disse-vos: "Vós sois deuses".
É verdade, vós sois a Imagem de Deus. Em vós está a Presença de Deus. Esta Presença Divina ancora em vós, no Vosso Coração, através do Santo Ser Crístico Pessoal.
Cristo é a expressão de Deus e Ele vive em cada ser. Dai-Lhe asas para Ele se expandir e se manifestar.
Quando Jesus no seu discurso em Mateus capítulo 24 vos (nos) alerta para a manifestação dos falsos Cristos, a fim de que haja cuidado e vigilância, Ele quer dizer (e reforça-o ao advertir que se "vos disserem que o Cristo está aqui ou ali não acrediteis e não saiais de onde estais para irdes ao seu encontro") exactamente que Cristo não se manifesta num ser como antes, mas, ao contrário, a Sua manifestação far-se-á subitamente ( "como o relâmpago que sai do Oriente para o Ocidente" ), em cada filho e filha de Deus (os que acenderam antes a Consciência de Discípulos e Servidores da Entidade Crística – "aqueles que Me servem a Mim fazem as obras de Meu Pai") que se predispôs (trabalhou) ao encontro com o Cristo no Seu Coração.
O "relâmpago que sai do oriente para o ocidente" é a chispa da espiritualidade que foi guardada pelos Orientais, pela Sua Sabedoria, divulgada amplamente aos povos ocidentais .
Os feitos maravilhosos referidos no capítulo 24 (2), são a aquisição de dons espirituais pelos praticantes do estudo e desenvolvimento do espiritualismo e os sinais que se verão nos céus são as alterações meteorológicas, bem como as aparições e visitação de naves, como provas dos Seres de Luz.
Jesus disse: "maravilhais-vos perante aquilo que Eu faço, mas vós fareis maiores coisas do que aquelas que Eu faço". São estes os factos maravilhosos.

O problema é que o homem, como tem uma visão limitada, quer limitar o que estuda e vê-o sob um ângulo limitado, com os seus conceitos mentais em vez de os ampliar à prática e à vivência do Coração.
Cristo, Deus e o Reino dos Céus não é algo que se possa tocar e sentir com a Mente, a Razão (raciocínio), mas só pelo Coração poderá ser sentido e vivido.
A arrogância, o desejo de protagonismo e a vontade de liderar matam a expressão do Espírito.
O Espírito é Cristo. Cristo é Espírito. Se matais o Espírito, matais a realização crística.
Muitos têm do Cristo apenas a visão do Sacrifício e Martírio atribuídos a Jesus. Porém, em verdade vos digo que Cristo não está presente nesse desonroso sacrifício.
Cristo se mostrou no passado como o libertador do Homem e foi condenado à morte como um criminoso, por parte dos criminosos políticos dominantes. Isso foi uma desonra para o género humano, para aqueles que O condenaram, para aqueles que O executaram e continua a ser uma desonra ainda hoje quando Cristo flúi em vós com a Consciência do Espírito Puro e vós o matais com as vossas atitudes de compromisso aos valores ilusórios, a Mammon.
O Cristo é o Cristo Vivo, o Cristo de Salvação, O Amigo do Homem, não o Cristo crucificado.
Despertai, despertai ó filhos. A ilusão vos domina. Escutai as palavras de Cristo que ecoam no vosso Coração:
"EU SOU o Pão da Vida. Quem come deste Pão (Sabedoria) nunca mais terá fome (de Conhecimento)".
"EU SOU a LUZ que brilha na escuridão (ignorância) e nunca se apaga".
"EU SOU Vida Eterna, de Eternidade em Eternidade" .
"EU SOU O QUE EU SOU e assim EU Permaneço".

Repeti estas afirmações diversas vezes, de forma convicta, com fé e vontade e pela Lei Universal da Atracção sereis convertidos no que afirmais.
E agora Eu vos digo filhos, que a Humildade é um dom natural daqueles que portam em si a Verdade. A Humildade, a Verdade e o Amor farão com que conquisteis todos os corações e que a Luz por vós portada incendeie e provoque um fogo tão grande que incendiará toda a Terra, em todas as Taças Sagradas dos Filhos da Luz que não se fecharam para a Realização Divina.
E agora vos pergunto filhos, que tipo de pessoas sois? Sois dos que servem ao Mundo ou dos que servis a Deus?
Não podeis servir comodamente a dois senhores, pois ou sois de Deus ou sois de Satanás. Nos dois caminhos não podeis estar.
Há que abrirdes o Coração e viverdes unicamente pelo Coração. Não há outra forma de viver a realidade que Deus é.
Soltai o Coração, deixai-o falar, deixai-o agir, que ele sabe sempre o que fazer.
Olhai os vossos irmãos, mesmo aqueles que não conheceis e amai-os, amai-os todos, vendo neles a Imagem de Deus em acção. Vede em todos a Cristo ou à Virgem em expressão.
Actuai, pois o Amor é Acção. Lutai pelo que deve ser conquistado, a PAZ, a Harmonia, o Amor, a Fraternidade entre todos os povos, os Direitos de Viver, amar e condições de igualdade entre todos os povos da Terra.
Lutai, sobretudo, pela conquista do Espírito da PAZ, o encontro de Cristo nos vossos Corações.
Vos abençoo na Lei do Uno.


SOTHER-OTHAR
em expressão física por Carlos Carvalho

(1) Por parte dos próprios educadores



CENTROS DE ILUMINAÇÃO


FATH-I-MA-LYS

FATH-I-MA-LYS tem o nome de FATH-I-MA por representar o pilar da Energia Feminina do Logos Planetário EM-MANU-EL, compreende a Consciência da Mãe presente no Centro de Lys. As aparições Marianas da "Virgem" na Cova da Iria deram-se controladas por este Centro de Lys e como a localidade de Fátima era próximo ficou conhecida pela Virgem de Fátima.
A Excelsa Energia de Lys impregnou a Cova de Iria, e o afluxo de gente com sofrimentos e dor originou a que a energia de Fátima actualmente esteja um pouco gasta e pesada, pois sentimos aí o peso da dor humana. Isto deve-se também à exploração comercial que se fez à volta e que a Igreja não é alheia.
Em Lys a energia é Pura e Virginal, leve e libertadora, sendo um dos motivos pelos quais não se deve divulgar a localização exacta do Portal Principal deste Centro. De aqui a Energia se expande num círculo que vai até Lourdes e foi dilatada a Medjgorge na ex-Jiugoslávia, e recentemente à Grande Ilha da Austrália, onde Imagens da Virgem começaram a chorar lágrimas de sangue (durante o início da guerra do Iraque).
De Lys estão sendo preparadas novas formas de vida, sendo que novas plantas e novos animais da quarta dimensão repovoarão a Terra.
Em Lys está presente a Energia da MÃE, THAYKHUMA, que se expressa como TSYKAHUMA. Esta Energia pode personalizar-se e apresentar-se como um ser humano - como é o caso de AKANAHUMA. Foi esta expressão individual da MÃE que em certo momento visitou o contactado Trigueirinho no Brasil e o transportou aos conhecimentos de certa documentação sobre Orion.
De Lys emana uma vibração profunda de PAZ, HARMONIA e INTEGRAÇÃO.


LYS –RAÍZES INTEMPORAIS

LYS é um Centro com extensões. Todo o Território Nacional Português é, por assim dizer, uma "extensão" de Lys, na medida em que está dentro da circunferência deste Centro, visto que, ao abranger Lourdes, abranje Andorra, parte doa Argélia, Ilhas Canárias e Madeira. Isto é LYS-FATH-I-MA e sua área.

No Sagrado Monte da Lua, onde está sediada a Quinta Cidade da Quinta Lua Azul, há também a Cidade de Or, ligado a LUXOR, a qual é também designada (OR) por LUX_OR. Outro nome é LUX-OR-LYS. Esta cidade está conectada ao Egipto, a LUXOR e ao Conhecimento conjunto de SIRIUS-ÓRION. A Quinta Cidade da Quinta Lua Azul está dedicada também a Sirius e à Lua. A Cidade de LUX-OR-LYS ou OR está dedicada ao Sol e a Orion. Isto é o interior de KURAT ou DUAT KURATINO em domínio do Continente Interno de AGHARTA.

Há outras Montanhas Sagradas em Portugal, sendo entre elas a Serra de Aire, a Serra da estrela, a Serra da Gardunha, etc. Tudo está sob a influência de LYS-FATH-I-MA.

Na Sagrada Montanha de SCHIM-TAO-RAM foi ascensionado à Oitava Superior o Templo dos Sagrados Monges Teúrgicos, estando activado este Retiro sob a direcção de AB-SYN (antigamente AB-SIN); grafado assim por causa da Era da Missão Y da MÃE.

Na Montanha de El-Rah o Árabe, ou Arrábida, está activado o Monastério Teúrgico da Taça Dourada, sob a direcção de AL JOEFAL (ex-director de SCHIM-TAO-RAM). Com a direcção Alquímica necessária à Nova Era em que estamos.
Arrábida é o Sol, o Ouro.
Sintra é a Lua, a Prata.
Sintra é Protegida por DIANA.
Setúbal é protegida pelo "Príncipe Árabe", também chamado de "O Sábio do Oriente", encarnado em Agostinho da Silva.
Agostinho da Silva é o "Rei Oculto" que une o conhecimento Oriental Alquímico com o Quinto Império.
Esta imagem esteve para a Arrábida e Setúbal como António Carvalho Monteiro ("Milhões") esteve para Sintra.

Tudo isto é fruto de Raízes Intemporais de uma cultura única que é a cultura de Lys.

"Saído do Intemporal veio a Flor de Lys que fundou Portugal!
"De Portugal o Espírito de Lys funda o Novo Mundo da Consciência Crística Intemporal!"

Lys é o Portal de Todo o Intemporal. Saído de aqui num salto que torna o Futuro num momento do Agora, realidade Omnipresente para lá de toda a ilusão limitadora.

Lys mandou ao mundo os seus mensageiros. Alguns deles, mesmo não sendo nascidos em Luso território não deixaram de ser emissários deste Centro, como foi o caso de Isabel de Aragão, esposa do rei D. Dinis, Cristóvão Colombo, que portou o espírito Universal expansionista do Graal do Conhecimento. Luiz Vaz de Camões era uma alma de Lys, tal como Fernando Pessoa, sendo o mesmo; o Padre António Vieira,… enfim, marcos de Intemporalidade, até Agostinho da Silva.


LYS - Este Centro tem uma área, ao integrar-se mais exactamente em LYS-FATH-I-MA, que vai além de Lourdes, logo a sua circunferência integra entre Países do Norte de África (Argélia e Marrocos), as Canárias e a Madeira, ficando próximo do paralelo a 40º, cerca dos Açores.

Aparentemente, não tendo nada que ver com o Brasil, há extensões energéticas de LYS que vão ao Brasil, à Jugoslávia e à Austrália.

Sendo que o desactivar de SHAMBHALLA passa o Centro de Iluminação para MIZ-TLI-TLAN, LYS-FÁTHIMA será o Centro de Iluminação mais próximo da Superfície terrestre e como que uma SHAMBHALLA intermediária durante o tempo em que a Iluminação para o Planeta será conduzida pela MÃE.

Como a MÃE seleccionou o território de Portugal para se manifestar durante este período de tempo em que a Sua Consciência assume o Aspecto do Cristo Feminino, MATRAYA (Contraparte Feminina do Cristo MAITREYA esperado), a "NOVA SHAMBHALLA", durante o tempo da Missão Lusitana de dar LUZ AO MUNDO, o despertar do Quinto Império, será LYS-FATH-I-MA e portanto, o Centro de Iluminação e difusão da Luz e Lei sobre o Planeta.
Não se deve ninguém espantar que Lys possa estar ligada a zonas aparentemente "sem ver com o Centro". Na verdade, na nova e actual dispensação, LYS é temporariamente, a capital Espiritual da Iluminação Planetária.

Nós estamos no programa da Nova Instrução vinda para a Humanidade e neste aspecto temos o contacto físico das Hierarquias que nos instruem.


Referência bibliográfica - Fátima-Lys - autor Trigueirinho.
Muita PAZ e muita LUZ.


AS LINHAGENS DO REIKI


AS LINHAGENS DO REIKI Desde que Mikaomi Gyoho (adoptou o nome de Usui e passou a ser conhecido por MIKAO USUI) redescobriu o Sistema Reiki, fundou-se no Japão a 'Usui Reiki Ryoho Gakkai'.
Ao passar para o Ocidente pela Sra. Hawayo Takata, foi designada a escola Tradicional como 'Reiki Usui Shiki Ryoho'.
No Japão há a linha 'Gendai Reiki-HO', também, saída do ensinamento puro de Usui, sem passar por Hayashi, como a nossa Ocidental, visto ter sido ele o professor de Takata.


O Reiki Tradicional flui pela linha 'The Reiki Alliance' e pela 'The Radiance Technique' (1982) que passou a chamar-se 'American-International Reiki Association' a partir dos anos 80. Na década de 90 (1995) surge o 'Reiki Essencial' pela mão de Diane Stein, sendo o Reiki Tradicional e o Essencial os dois aspectos do Reiki Clássico.


Iris Ishikuro, associou ao Reiki símbolos Tibetanos e um seu aluno, Arthur K. Robertson, adicionou mudras e símbolos Tibetanos ao Reiki, tendo criado a sua própria linha, 'Raku Kai Reiki' (uma derivação do Reiki Tradicional).
O Reiki Essencial temo por base o 'Reiki Usui Tibetano'. Há, portanto o 'Reiki Usui Tibetano', saído do 'Raku Kai Reiki', o 'Shamballa Reiki', o 'Reiki Tibetano', o 'Vagra Reiki', etc. Surgiu no brasil o 'Reiki Relâmpago' e posteriormente o 'Reiki Magnificado Cura Quântica'.


Em simultâneo surge em Portugal o 'REIKI CÓSMICO MYKIONO RYOHO KANNON', por revelação Divina, como uma Nova Linhagem do Reiki (2001/2002).


A linha do Reiki Magnificado e o Reiki Cósmico têm Símbolos ideênticos. Um e outro foram canalizados desde o Alto.

Há diferenças entre eles, mas também muitas semelhanças.


As linhagens do Reiki são:


REIKI USUI SHIKI RYOHO - MIKAO USUI (Japão)

CHUJIRO HAYASHI (Japão)

HAWAYO TAKATA (USA)

PHYLLIS FURUMOTO (USA) ...


REIKI ESSENCIAL - MIKAO USUI (Japão)

CHUJIRO HAYASHI (Japão)

HAWAYO TAKATA (USA) ??
DIANA STEIN (USA) ...


A escola da linhagem USUI veio directamente da Divindade: DEUS - MESTRES

ASCENCIONADOS DE REIKI -

MIKAO USUI


A linhagem do Reiki recebida pelo difusor do REIKI CÓSMICO: DIVINDADE (M.A. REIKI) -


MIKAO USUI (Japão)

CHUJIRO HAYASHI (Japão)

HAWAYO TAKATA (USA) ??

DIANA STEIN (USA)

ANGELINA ATAYDE (Portugal)

NORBERTO (Portugal)

CARLOS CARVALHO (Portugal)


DIVINDADE MÃE + HIERARQUIA ASCENCIONADA DO REIKI (MIKAO USUI e outros) -
CARLOS CARVALHO (Portugal)
MESTRE SOTHER

Métodos Secretos de Jesus para se aproximar do Cristo


Métodos Secretos de Jesus para se aproximar do Cristo

Durante o tempo em que Jesus esteve retirado os 40 dias na gruta na montanha desértica perto do Jericó.

A descrição que foi feita na abordagem atrás, descreve partes conhecidas mais ou menos dos Evangelhos, em que se narram as tentações de Satanás, mas estas tentações são o culminar de processos iniciáticos que foram passados pelo candidato.
Jesus esteve praticando a Meditação para se conectar com o Seu Princípio Divino.
Jesus foi beneficiar-se dos ensinamentos que trouxe do Oriente. Ele praticava vários tipos de yoga, desde o yoga egípcio aos yogas hindu-tibetano.

Ele tanto usou o Raja-Yoga, o Bakti-Yoga (devocional), o Laia-Yoga e o Kundalini-Yoga. Puxava as suas energias desde o chakra base aos outros centros. Deteve-se a trabalhar os chakras cardíaco e frontal, desenvolvendo o Seu coronário. Todo Ele se transformou numa Estrela de Luz pelo activar dos chakras.

Contactou o Seu Ser Superior, o EU SOU O QUE EU SOU, a Divina Presença e atraiu átomos de Luz dessa esfera que incorporou a todos os Seus corpos. Potenciou toda essa prática com o jejum prolongado durante todo esse tempo de retiro.

O Mestre ficou 72 horas consecutivas a meditar sobre o EU SOU, de tal modo que se tornou luminoso, resplandecente, externou no plano físico o EU SOU O QUE EU SOU. Assim, Transconsciente de Deus, incorporou todos os Átomos de luz crística ao Planeta, desfazendo os umbrais densos e projectando a Terra noutro nível dimensional superior, permitindo o Resgate de todas as almas, numa nova Dispensação da Iniciação Cósmico-Solar.
ELE era o próprio METRATON, o Messias, o elo entre o humano e o Divino. Externava a libertação, a redenção do homem do pecado, do erro, da doença e da morte. Era a expressão da MÃE, pois era a própria SHEKINAH, o Amor-Sabedoria, embora o vaso fosse masculino, porém Maria tinha em Si parte dessa enorme energia CRÍSTICA.
O METRATON foi associado com o sofrimento do servo Isaías, o qual se tornaria mais tarde no CRISTO, o Messias. Ele era a ‘encarnação’ de ISAÍAS, o Novo Adão. O METRATON era conectado desde os tempos do Antigo Testamento com o Messias. Os termos ‘Filho de Deus’ e ‘Filho do Homem’ têm a conotação Messiânica e referem-se ao METRATON que é MIKAEL ou ‘ADON-HANAY MALEACH HA ELOHIM’, Miguel e ADONAY. São princípios cósmicos interligados na Grande Hierarquia Cósmico-Solar, não se trata de ‘seres’ ou pessoas como erradamente sois levados a pensar. O princípio Divino é múltiplo-no-uno.
Jesus era o METRATON, Miguel, ADONAY, ADAM, Ele próprio o testifica quando mais tarde diz de Si mesmo ‘Eu e o PAI somo Um’ e ‘Antes de ABRAHAM, EU SOU’.
Jesus era um Ser Cósmico, vindo de outra ronda Planetária além da Terra, embora em alguns momentos no passado Ele tenha estado na Terra.

A HIERARQUIA CÓSMICA preparou Jesus e fez-Lhe alguns implantes para facilitar a Sua Missão, como a adaptação dos capacitadores mentais acoplados ao seu cérebro físico através da cirurgia astral.

Ao adquirir a Consciência de CRISTO, o SOL vem morar n’Ele. Ele é o Educador e Supervisor deste Sistema Solar e de toda a Vida que ele contêm. A partir de aqui, o Cálice Vivo da Energia Crística, o SOL de Deus estava na Terra e a Terra passa, de uma forma mais activa e efectiva, a estimular a humanidade o aprendizado do desenvolvimento e a melhor expressão das qualidades do Amor-Sabedoria. O aprender a lidar com a energia densa – as possibilidades criativas da limitação e, simultaneamente, o aprender a transcender as limitações por meio da expressão adequada do amor e da sabedoria.

Antes de CRISTO a humanidade nunca esteve antes em condições de receber as doutrinas da sabedoria antiga no grau em que elas se disponibilizarão desde este momento para a frente. Este trabalho foi iniciado pelo próprio METRATON num período final da Atlântida.
Ele foi preparado para todas as coisas e tudo Lhe foi mostrado. Ele viu a crucificação de CRISTO em Tiago, mas vaso da mesma energia, tal como Maria o era também. Ele sabia que na hora da Crucificação e da morte, a essência do CRISTO, a SEMENTE SOLAR, seria colocada na cruz da matéria, tocando o próprio Coração do Planeta.
No Baptismo, o processo anterior, a Consciência deixou o corpo físico, permitindo que as energias de CRISTO tomassem posse e trabalhassem directamente sobre a Terra
Quando Tiago fosse crucificado como Jesus, ele era o portador do CRISTO, e depois da Sua morte as energias CRÍSTICAS tornar-se-iam parte integrante da formação etérica de toda a Vida daí em diante, sobre toda a estrutura deste planeta. A cada encarnação, essas energias crísticas que até então não estavam acopladas ao interior do Homem, elas passariam a ser adaptadas ao átomo semente constitutivo da Humanidade, passando a estimular a centelha Divina no Coração de todos os Seres Humanos num grau ainda superior.

Foi isto que Jesus esteve a tratar nos seus 40 dias de retiro. O CRISTO entrou na corrente vital evolucionária da Humanidade e agora, desse momento para a frente, seria capaz de influenciá-la mais directamente.
A essência Arcangélica de CRISTO torna-se parte integrante de cada ser vivente no planeta. O novo padrão etérico de energia desenvolvido por Jesus, o Cristo, unido ao CRISTO CÓSMICO (KRISTOTRON) anulará todas as influências negativas e permitirá uma comunhão totalmente consciente com os reinos espiritualmente Divinos da Vida. A Humanidade, com CRISTO, ficou apta para participar, integrar, incorporar em si, um ressurgimento e uma nova expressão dos Antigos Ensinamentos dos Mistérios.
Entre outras coisas Ele integrou e modificou as Leis Cósmicas, integrando KA-DESH (a mistura de tempo-espaço), desarticulando a ‘união aparente’ entre estes.

No Seu eremitério Ele contactou com seres cósmicos oriundos do Espaço, os enviados do Império da Luz que o saudaram como MICHEL e MANU-EL de NEBADON.
Chegou a ser levado nas naves e a ser instruído noutros espaços e noutros mundos, para a Sua Grande Missão. Foi, exactamente por isso que Ele não quis que os seus Discípulos recentes O seguissem durante o Seu isolamento.
Os combates espirituais com Satanás eram o vencer da sua natureza inferior num corpo de semideus, com parte genética degradada da humanidade Terrestre, onde a Sua genética estelar venceu.
É claro que não podemos fazer a divulgação das técnicas e métodos secretos usados por Jesus, mas todos os praticantes do Alto-Yoga Iniciático sabem bem do que estamos falando.

Jesus, realmente, é o Modelo Cósmico da Luz para toda a Humanidade, o aperfeiçoamento da Compaixão de Buda, na nova oportunidade do perdão e Amor Supremo.
No seu retiro, Jesus, pela aplicação da Sua Vontade, como Mestre da Transmutação Alquímica, fez os átomos de luz que compõem o corpo do Cristo absorverem raios cósmicos e substância espiritual.

Obras desconhecidas de Jesus, durante a Sua busca de Deus, no Oriente


Obras desconhecidas de Jesus, durante a Sua busca de Deus, no Oriente

Jesus, quando nasceu foi chamado de José e mais tarde, quando partiu para o Egipto, após a Sua Iniciação pelos Hierofontes de Luxor passou a chamar-se Yoshoa (Josué) e só se chamou Jesus após a Sua Iniciação Cósmica, no Baptismo de João.


Aos 14 anos, quando parte para o Oriente com uma das caravanas, chegou à margem do Sind e instalou-se entre os Árias, na terra amada por Deus.
Aí permaneceu por uns tempos e era cheio de sabedoria.


Estabeleceu regras de vivência pacífica entre o povo, exultando sempre ao Serviço a Deus, sempre da sua boca saíram palavras de Amor, de encorajamento. Ninguém melhor do que Ele conhecia as pessoas e o seu íntimo. Chamaram-lhe de Santo e o seu nome entre eles era ISSA.

Praticava constantemente a meditação. Isolava-se com frequência entre a floresta, onde escolheu um ponto que era o seu santuário. Dali contemplava o rio, tinha a integração perfeita. Os animais e as aves. Ele sentava-se aí e ficava longas horas em contemplação. Os animais ficavam ao lado d’Ele, silenciosos. Os pássaros, muitas vezes pousavam sobre os seus ombros.

Tal era a fama da sua sabedoria e tamanho o respeito que tinham por Ele, que quando havia problemas para decidir e cuja solução justa parecia afastada, sempre o chamavam para fazer parte do conselho. A sua opinião era válida e muito justa sempre. Ele se aprofundou no Conhecimento da Divina Palavra e estudava as leis dos grandes Budas.
A fama e reputação deste jovem extraordinário foi espalhada por todo o norte do Sind. Quando

Ele partiu e atravessou o país dos cinco rios e Rajputana, os devotos do deus Jaine pediram que Ele ficasse com eles. Porém, Ele não aceitou o pedido, pois essa gente estava no erro, e partiu para Djagernat, no país de Orissa, onde repousavam os restos mortais de Vyasa-Krishna, tendo sido recebido alegremente pelos sacerdotes de Brhama.

Entre eles aprendeu a compreender os Vedas, a curar com a ajuda da oração, a ensinar, a explicar as escrituras sagradas ao povo e a expulsar os demónios do corpo dos homens, restituindo-lhes a sua saúde mental.

Aos 17 anos de idade, Ele voltou à Galileia e esteve entre nós para cuidar das coisas que deixara com o seu cunhado e irmã (os negócios da carpintaria de José) e ver como estavam os seus irmãos, incluindo tratar da educação do jovem Tiago entre os Essénios. Depois disso, Ele voltou a viajar para Djagernat, onde, desde que chegara da primeira vez, Ele passou seis anos, os quais repartiu também por Rajagriha, Benarés e outras cidades santas.

Issa era amado por todos e vivia em paz com os Vaisyas e com os Sudras, a quem ensinava as sagradas escrituras.
Os Bramanes não gostavam desta atitude de Issa e foram ter com Ele, ensinando-lhe sobre as castas, pretendendo que Ele os acompanhasse para adorar aos deuses.
Issa não lhes fez caso e continuou a instruir os Sudras, pregando contra os Bramanes e contra os Kshatriyas. Defendeu os direitos humanos e a igualdade entre todos os filhos de Deus. Negou a origem Divina dos Vedas e dos Puranas e difundiu os seus pensamentos e doutrinas sobre o Deus Único. Pronunciou-se contra as idolatrias e todo o tipo de obscurantismo.

Os Vaisyas e os Sudras estavam cheios de admiração por aquele Ser Santo e pediram a Issa que os ensinasse a rezar para não perderem a sua felicidade eterna.
Issa lhes respondeu: ‘Adorai ao Pai em Verdade e em Pureza. Deixai o vosso Coração falar e exprimir o sentimento puro da vossa Alma. Adorai o Pai em qualquer local, mas fazei-o em recolhimento, de maneira que os outros não observem o que fazeis. Adorai-O em Espírito e em Pensamento. Um só pensamento subindo, será o suficiente para o Vosso Pai dos Céus.

Não adoreis os ídolos, porque eles não ouvem. Não escuteis os Vedas, porque a sua verdade é falsa. Nunca ocupeis o primeiro lugar e não humilheis o vosso próximo. Ajudai os pobres, reparti entre os vossos irmãos, amparai os fracos, não façais mal a ninguém e nem aos animais. Nunca pratiqueis ou useis da crueldade e não cobiceis o que não tendes e que pertence a outro.’

Os Bramanes e os Kshatriyas (os Guerreiros), tendo conhecimento deste discurso de Issa, dirigido aos Sudras, decidiram matá-lo e com esse propósito enviaram os seus servos procurar o jovem profeta.
Issa, porém, avisado do perigo pelos Sudras, abandonou as proximidades de Djagernat, durante a noite, tendo chegado à montanha e instalou-se no país de Gautamides, a terra natal do Buda Shakyamuni, entre o povo.


quarta-feira, 21 de janeiro de 2009

NENTATSU-HO ou SEIKAKU-KAIZEN-HO


NENTATSU-HO ou SEIKAKU-KAIZEN-HO

“Nen” significa pensamento e “Tatsu” alcançar, pelo que se traduz em “Técnica que alcança o pensamento”. Na outra acepcão, “Seikaku” significa carácter, e “kaizen” melhorar, e traduz-se em “Técnica de melhora do carácter”.




A enfermidade não nasce do exterior, em geral, nasce na mente, com os pensamentos negativos que criam emoções conflictivas, ressentimentos, tristeza e muitas outras coisas que podem envenenar toda a vida de uma pessoa. Não se produz nada que antes já não havia sido um pensamento. Passamos a vida pensando que nos sentimos afectados pelos acontecimentos externos, quando afinal estamos a ser afectados pelas nossas próprias atitudes.

Os seres humanos podem alterar as suas vidas mediante o câmbio das suas atitudes mentais. O mundo é aquele que nós pensamos que é. Há que críar um mundo bom na nossa mente. A vida é o que nós acreditamos ser. Criamos o nosso destino de acordo com o nosso interior. Aquilo que se encontra de fora não é mais do que um reflexo do que temos dentro. Todos os nossos actos devem estar protegidos por pensamentos positivos e optimistas. De nada serve querer ser feliz, saudável e desejar realizar boas acções sem mantermos no nosso interior pensamentos negativos e derrotistas.

A técnica Seikaku-Kaizen ou Nentatsu é um método seguro, eficáz e consciente que nos pode ajudar a desenvolver uma actitude positiva perante a mais difícil das situações. De nada nos serve querer mudar o mundo sem nos mudarmos a nós mesmos. Modificando os nossos pensamentos, os nossos actos e a vida serão melhores, e serviremos de referência para que se mudem outras pessoas. A melhor maneira de melhorar o padrão de vida é melhorar o padrão de pensamento.

Esta técnica melhora a personalidade, os pensamentos, os hábitos ou costumes, respeitando sempre o livre arbítrio da pessoa. Deve aplicar-se tantas vezes até que se consiga o objectivo proposto. Significa abrir un espaço para o novo e abandonar os antigos hábitos, o que nos ajuda no nosso crescimento pessoal.


Esta técnica pode utilizar-se, tanto em nós mesmos, como noutra pessoa, e neste caso assegurar-se de que a mensagem corresponde com o que deseja o receptor. É melhor e mais eficiente transmitir mensagens curtas em diversas aplicações, do que enviar uma mensagem grande.



in "Manual de Reiki Clássico" de Carlos Carvalho
(Traduzido por Ana Magda Dias)

Para meditar...


EU SOU...


Observem a imagem, fechem os olhos e reflictam sobre o que acabaram de observar.

Imaginem-se vós próprios na imagem...
Somos todos apenas UM!
OM AH HUM
Ana Magda

quarta-feira, 14 de janeiro de 2009

PRINCÍPIOS DO REIKI



Shoufuku no hihoo
o método para atraír a felicidade


Manbyo no ley-yaku
A medicina espiritual para todas as enfermidades do corpo e da mente


OS CINCO PRINCÍPIOS SÃO:

Kyo dake wa:
SÓ POR HOJE:


Okoru-na
NÃO SE IRRITE


Shinpai suna
NÃO SE PREOCUPE


Kansha shite
MANIFESTE O SEU AGRADECIMENTO


Gyo wo hage me
SEJA APLICADO E HONESTO NO SEU TRABALHO


Hito ni shinsetsu ni
SEJA AMÁVEL COM TODA A GENTE


Asa yuu gassho shite kokoro ni nenji, kuchi ni tonaeyo
PELA MANHÃ E PELA NOITE, SENTA-TE NA POSTURA GASSHO E REPETE
VERBALMENTE ESTAS PALAVRAS E SENTE-AS EM TEU CORAÇÃO.

Shin shin kaizen, Usui Reiki Ryoho.
CURA DO CORPO E DA ALMA, USUI REIKI RYOHO.



Chosso Usui Mikao
O FUNDADOR Mikao Usui

LEIS DO AMOR INCONDICIONAL

Glória Mundis -Ellys


LEIS PARA CUMPRIR EM CADA DIA DAS NOSSAS VIDAS



1 – Sejam rectos e firmes nas vossas decisões

2 – Sejam magnânimos perante a vida e o próximo

3 – Sejam equilibrados no vosso percurso

4 – Sejam ponderados e generosos

5 – Sejam complacentes perante o sofrimento alheio

6 – Sejam ricos de bondade e de amor

7 – Sejam humildes nos pensamentos

8 – Sejam humildes nos actos

9 – Sê vazio de desejos

10 – Sejam plenos de nada ser

11 – Sejam plenos de nada ter

12 – Sejam plenos de nada querer

13 – Sê pleno de nada saber

14 – Sê pleno de gratidão

E terão abundância da Água que vivifica a Vida Eterna!

URUNAYA SHINTY TAYA
( Que os vossos corações estejam com os nossos )

De LYS
Vossa MÃE que vos ama Incondicionalmente

AKA-SHAMARA ( Mãe dos Universos)

terça-feira, 6 de janeiro de 2009

Novo Site


Novo Site!!!


Olá!!!

Vão ao novo site do Carlos Carvalho!
http://www.mykiono.com/

Ainda está em construção.


E já agora, para quem aprecia arte:

http://raiodesol.no.sapo.pt/quadros_pps.htm



Om Shanti, Shanti, Shanti

SOLIDARIEDADE


Pedido de Ajuda para a Repúblida Democrática do Congo


Capital: Kinshasa
Superfície: 2 345 410 Km.
Forma de Governo: Ditadura
Chefe de Estado: Laurent-Desiré Kabila
Chefe de Governo: Laurent-Desiré Kabila




A RDC encontra-se numa situação de guerra que dura há já alguns anos contando-se mais de três milhões de mortos (3 000 000 em 2004). É uma guerra que envolve vários países vizinhos, motivada pela pilhagem de apetecíveis riquezas naturais daquele país. A população civil refugiada e a restante população são as principais vítimas de uma guerra em que não se fazem prisioneiros.


No âmbito da sua actividade, a ONG ‘No Estamos Solos’ (Organização não Governamental Espanhola) tomou contacto directo desde 1991 com a população do Zaire, agora República Democrática do Congo, assumindo posteriormente (primeiro como 'Nonsiamosoli' e mais tarde como 'No Estamos Solos') o envio de ajuda financeira directa a uma comunidade de 36 pessoas: 7 homens, 6 mulheres e 23 crianças. Estes números são referentes ao ano de 2004, agora a família é bastante grande! Tenho pena de não ter uma foto comigo...


A guerra arruinou todos os sectores de actividade e as pessoas foram lançadas para o desemprego, sem meios de sobrevivência. A situação destas pessoas é ainda mais difícil por não estarem inscritas em qualquer organização de ajuda internacional.

Por norma, pretende-se enviar um mínimo de 700 € que lhes permitirá sobreviver durante 2,5 a 3 meses aproximadamente. Para conseguir este objectivo é necessária a colaboração de todos.





Embora com muita dificuldade, conseguimos enviar este género de quantias, graças aos associados, e graças a Deus!!! O dinheiro é enviado através de transferência bancária, para garantir que é recepcionado pelas mãos certas.



CONTRIBUA:

Correio: No Estamos Solos, Apartado 122, 36700 Tuy, Espanha
E-mail: noestamossolosong@yahoo.es

E-mail: amagdadias@gmail.com


Mil Agradecimentos aos irmãos que já contribuiem, e aos que quiserem contribuir de futuro.

Muita PAZ, LUZ e AMOR!!!
OM AH HUM


Ana Magda Dias

Para meditar...



Porque é que gritamos com outro ser humano?

Um dia Meher Baba perguntou ao seus servos:


Porque é que as pessoas gritam quando estão zangadas?


Os presentes pensaram uns momentos:
Porque perdemos a calma – disse um – por isso gritamos.
Mas, porquê gritar se a outra pessoa está ao teu lado? – perguntou-lhe Baba – Não é possível falar-lhe em voz baixa? Porque é que gritas a outra pessoa quando estás zangado?
Os homens deram algumas outras respostas, mas nenhuma delas satisfazia a Baba. Finalmente, ele explicou:
Quando duas pessoas estão zangadas, os seus corações distanciam-se muito. Para compensar essa distância devem gritar e assim poder escutar-se. Quanto mais zangados estejam, mais forte terão de gritar para se escutarem um ao outro através dessa grande distância.
Deixando-os meditar um pouco, Baba prosseguiu:
Que sucede quando duas pessoas se apaixonam? Eles não gritam entre si, antes falam suavemente... Porquê? Porque os seus corações estão muito próximos. A distância entre eles é muito pequena.
E depois de uma pausa continuou:
Quando se apaixonam mais ainda, que acontece? Não falam, apenas sussurram e aproximam-se ainda mais no seu amor. Finalmente, não precisam sequer de sussurrar, apenas se olham e isso é tudo. Assim é... quão próximas estão duas pessoas que se amam!
Após outra pausa, Baba disse
- Quando discutirem, não deixem que os seus corações se distanciem... Não digam palavras que os distanciem ainda mais ou chegará um dia em que a distância seja tanta... que já não encontrarão o caminho de regresso...

Oração de São Francisco de Assis



Senhor!
No silêncio deste dia que amanhece
Venho pedir-Te a paz, a sabedoria, a força.
Quero hoje olhar o mundo com os olhos cheios de amor.
Quero ser paciente, compreensivo, prudente.
Quero ver, além das aparências,
Teus filhos como Tu mesmo os vês.
E assim, Senhor, não ver senão o bem em cada um deles.
Fecha meus ouvidos a toda calúnia, guarda minha língua de toda maldade.
Que só de bênçãos se encha a minha alma.
Que eu seja tão bom e tão alegre que todos aqueles que se aproximem de mim sintam a Tua presença.
Reveste-me de Tua beleza, Senhor, e que no decurso deste dia eu Te revele a todos.

(Francisco de Assis)

MARIA AOS PÉS DA CRUZ


MARIA AOS PÉS DA CRUZ

Canalizado por SOTHER
(Carlos Carvalho)

OUTUBRO 2003


Sigam este Link. Tem informações de extremo valor.


Om Shanti Shanti Shanti
Muita PAZ e muita LUZ nos Vossos Corações,
Ana Magda Dias

O Original Terceiro Segredo de Fátima


Portugal, 16/10/2000
Através do Carlos Carvalho



O Original Terceiro Segredo de Fátima

Em Portugal conservar-se-á sempre o dogma da Fé, porém, perto do final, também será invadido pela descrença e pela anarquia.
O Sagrado será profanado.
Os homens devem corrigir-se.
Um grande castigo cairá sobre toda a Humanidade, não hoje, nem amanhã, mas na segunda metade do século XX (1950-2000).
Já o tinha revelado a Mélanie e a Maximino em La Salette, e hoje repito-te a ti, porque o género humano pecou e espezinhou o Dom que Deus lhe deu.
Em nenhum lugar do mundo há ordem e Satanás reina nos mais altos postos, determinando a marcha das coisas.
Roma sofrerá um castigo por causa de um Papa.
Satanás seduzirá os cientistas que produzirão armas de morte terríveis. À distância poderão matar milhões e milhões de pessoas.
Por causa disso, do céu virão avisos e Mensageiros Divinos advertirão do perigo desse Caminho. Apesar de tudo o Homem continuará na sua arrogância.
Um bispo vestido de branco, ajoelhado com uma Cruz grande será assassinado por soldados e com ele outros Bispos e Cardeais.
Satanás terá em seu poder os poderosos que governam os povos e os incitará a fabricar grandes quantidades de armas destrutivas.
Guerras suceder-se-ão a guerras, conflitos a conflitos. Não haverá mais paz sobre a Terra.
Se a humanidade não se opuser a este estado de coisas, serei obrigada a deixar livre o braço do Meu Filho. Então Deus castigará os homens com maior severidade do que quando foi do Dilúvio.
Chegará o tempo dos tempos e o fim dos fins, se a Humanidade não se converter ao Meu Imaculado Coração e se tudo continuar como agora ou ainda pior, se agravará o seu estado ainda mais. Um sinal virá de Israel.
Os grandes e poderosos morrerão junto com os pequenos e os fracos.
Também a Igreja irá passar por duras provas.
Cardeais levantar-se-ão contra cardeais, bispos contra bispos. Satanás caminhará entre as suas fileiras e em Roma haverá mudanças. O que está podre cairá e o que cair não se levantará mais.
A Igreja será ofuscada e o mundo transtornado pelo terror.
Virá tempo em que nenhum Rei, Imperador, Cardeal ou Bispo, esperará Aquele que apesar de tudo virá, mas para castigar segundo os desígnios do Pai.
A paz reinará de modo enganador, sempre com sustos de guerras fomes e epidemias.
O tempo castigará o Homem e várias tempestades e inundações se abaterão sobre a Terra próximo desses dias.
Muitos prodígios se verão nos céus.
Terramotos diversos virão.
Depois de negociar a Paz, Israel fará a Guerra.
A morte de um homem importante irá dar origem a uma grande guerra que se desencadeará na segunda metade do século XX. Fogo e fumo cairão do Céu, as águas do oceano transformar-se-ão em espuma e vapor. Ondas enormes se levantarão revolvendo e afundando tudo. Milhões e milhões de homens morrerão de hora em hora e aqueles que ficarem vivos invejarão os mortos. Para todo o lado onde se volva o olhar só se verá angústia, miséria e ruínas em todos os países.
Vês? O tempo aproxima-se cada vez mais e o abismo aumenta sem esperança. Os bons morrerão com o maus, os grandes com os pequenos, os príncipes da Igreja com os seus fiéis e os governantes com os seus povos. Haverá morte por todas as partes, por causa dos erros cometidos pelos insensatos e pelos partidários de Satanás, o qual então, e só então, reinará sobre o mundo. Por fim, quando aqueles que tenham sobrevivido ao que sucedeu, estiverem ainda vivos, proclamarão de novo a Deus e à Sua Glória, dos Céus descerão os socorros e os elevarão, e eles O servirão como no tempo em que o mundo ainda não se havia pervertido.
No fim, o Meu Imaculado Coração triunfará.
Vai, pequena Minha e proclama-o no tempo assinalado por Mim. Eu estarei sempre ao teu lado para te ajudar.


Observação
A Mensagem de Fátima dada em 13/07/1917 é uma só. Dividiu-se em 3 partes e foi tudo guardado em Segredo até ao momento de publicar-se. O Terceiro Aviso foi guardado e pedida a sua divulgação em 1960. Ainda hoje não foi divulgado. Aqui está na íntegra o que continha.
A Virgem resolveu dar a conhecer uma parte mais actualizada deste e onde lhe inseriu a interpretação dos 3 dias de Trevas.


Continua a Virgem:

… Isto não o digais a ninguém! Ao Francisco, sim, podeis dizê-lo.
Quando rezardes o terço, dizei depois de cada mistério: Ó Meu Jesus! Perdoai-nos, livrai-nos do fogo do Inferno, levai as alminhas todas para o Céu, principalmente aquelas que mais precisarem.
Após um pouco de silêncio, Lúcia perguntou:
— Vossemecê não me quer mais nada?
Respondeu-lhe a Virgem:
— Não. Hoje não te quero mais nada.
E como de costume, começou a elevar-se em direção ao Nascente, até desaparecer.

Myriam

JOSHIN-KOKYUU-HO


JOSHIN-KOKYUU-HO


(Desculpem não ter traduzido!!!)


“Joshin” significa parte superior del cuerpo, “Kokyuu” quiere decir respiración y “Ho” significa técnica. Se trata pues, de un ejercicio de respiración, conocido como “ejercicio de respiración para purificar el alma.” Se realiza para proceder a una autolimpieza y purificación del cuerpo áurico, sirve para energizar, calma los pensamientos, las emociones y purifica al organismo. Ayuda a sentir mejor el flujo de la energía activando los canales del Reiki, purifica la circulación sanguínea y aumenta la vitalidad magnética del cuerpo.

La respiración, acto esencial para la vida, nos une a todo lo que nos envuelve. Las personas, los animales y las plantas respiran el mismo aire que inhalamos y exhalamos. El aire no es de nadie y, al mismo tiempo, es de todos. Las energías provenientes de la respiración llegan hasta la menor de nuestras células.

Respirar es algo más que inhalar y exhalar simplemente el aire. La respiración es un indicador importante de cómo una persona se encuentra ligada a la vida y de qué forma afronta sus problemas y desafíos. Las personas distendidas y relajadas respiran de manera profunda y rítmica; otras, más tensas, lo hacen de manera corta y apresurada.

La técnica Joshin-kokyuu nos ayuda a modificar los malos hábitos respiratorios, ayudando también a que la fuerza vital (Prana en sánscrito) penetre mejor en nuestro cuerpo. Permite una mejor captación de la energía vital presente en el aire y vitaliza nuestro cuerpo aumentando nuestra capacidad de canalizar energía. Esta técnica es especialmente útil antes de una sesión de Reiki; sobre todo, si estamos cansados.

Las emociones afectan al chakra del Plexo Solar que actúa sobre el diafragma alterando su ritmo. Cuando una persona se halla muy ansiosa y preocupada se ve afectado su chakra del Plexo Solar, por lo que si intentamos normalizar el ritmo de la respiración, aportaremos tranquilidad, paz y serenidad al espíritu. Con los ejercicios respiratorios nos relajamos mejor, aliviamos las tensiones emocionales y poco a poco elevamos nuestras vibraciones y nuestro nivel de energía.



¿Cómo se realiza la técnica?

1. Sentarse cómodamente dejando descansar las manos sobre el regazo con las palmas hacia arriba. Inspirar de forma calmada y profunda por la nariz, y visualizar la entrada de la energía, de color blanco, a través del chakra coronario.

2. Llevar la mente hacia el tandem inferior (de 3 a 5 cm debajo del ombligo) y prestar atención a la respiración. Retener la energía conteniendo la respiración de 3 a 4 segundos. Sentir como la energía se expande y se irradia a todos los órganos, por cada célula del cuerpo.

3. Espirar (preferentemente por la boca) e imaginar que el aire también se libera por los chakras de las manos, por la punta de los dedos y chakras de los pies, vitalizando y limpiando nuestro cuerpo hasta convertirnos en un canal limpio de energía Reiki.


El tiempo ideal de práctica es de 10 minutos, prestando atención a las retenciones (3 o 4 segundos) y al ritmo (lento y profundo). El ritmo lento altera el estado mental y disminuye gradualmente los pensamientos desordenados, y las retenciones vigorizan y purifican el organismo. Gradualmente empezaremos a sentir paz, serenidad, y tranquilidad.

Al realizar esta técnica el cuerpo áurico se hace más brillante y expandido, y con la práctica, sentiremos cómo fluye la energía de una manera muy intensa.

(*) Las personas hipertensas, con problemas cardíacos o respiratorios, deben realizar la técnica con cierto cuidado e intercalar respiraciones normales se siente alguna molestia.
In "Manual de Reiki Clássico" de Carlos Carvalho

Novas Cores dos chakras



Tal como alguns têm verificado, têm acontecido várias alterações a nível energético. Muitas dessas alterações manifestam-se fisicamente, tal como as alterações climáticas, o tempo que passa cada vez mais rápido, desiquilíbrios hormonais,etc.

Também a nossa energia vital tem sofrido alterações, inclusivamente o nosso ADN.
Os chakras, centros energéticos, também transmutaram energeticamente.
CHAKRA DA RAÍZ - BRANCO (era Vermelho)
CHAKRA SEXUAL - VERMELHO RUBI (era laranja)
CHAKRA PLEXO-SOLAR - VIOLETA (era amarelo)
CHAKRA CORAÇÃO - ROSA (era verde esmeralda, mas para alguns já rosa)
CHAKRA LARÍNGEO - AZUL TURQUEZA (mantém-se)
CHAKRA AJNA - VERDE AZULADO (era azul índigo)
CHAKRA COROA - DOURADO (era violeta, mas para alguns já era dourado)

MEDITAÇÃO DOS DOIS CORAÇÕES





A meditação dos dois corações é uma técnica de iluminação ou expansão da consciência, de canalização de energia divina, que traz muitos benefícios e nos permite realizar um serviço, abençoando a Mãe Terra. É uma técnica simples (embora muito poderosa e avançada).É baseada na ativação dois dos corações que são o chakra do coração (centro do coração emocional, das emoções superiores) e o chakra da coroa (centro do coração divino).



Quando o chakra do coração se ativa sentimos algo maravilhoso como alegria, paz, êxtase.


Quando o chakra da coroa se ativa canalizamos a mais pura energia divina. Ele só pode ser suficientemente ativado se estiver ativado o chakra do coração. O chakra interior do chakra da coroa ( doze pétalas douradas ), é uma replica do chakra do coração.


Quando os dois chakras se ativam simultaneamente canalizamos muita energia e liberamos o excesso abençoando o planeta Terra.
Milhares de pessoas no mundo praticam esta meditação que é uma pequena colaboração para ajudar a harmonizar nosso planeta. A meditação em grupo potencializa o efeito.
Milhares de pessoas no mundo se beneficiam de esta mediação ajudando não só no desenvolvimento espiritual, assim como ajudando a reduzir o estresse, aumentando o nível de energia vital e a taxa de imunidade.



Este é um dos tantos legados que nos deixou o nosso querido Mestre Choa Kok Sui.


Excertos do Livro “Milagres da Cura Prânica”,
Do Mestre Choa Kok Sui, editado no Brasil pela Editora ground



Ativação do chacra da coroa abençoando a Terra com benevolência.



Pressione o topo da cabeça com o dedo durante alguns segundos para facilitar a concentração sobre o chacra da coroa; (após) abençoe toda a Terra com benevolência. Quando ele (chacra da coroa) estiver suficientemente aberto, você poderá sentir como o desabrochar de algo no topo da cabeça ou também uma certa pressão na coroa. Use a benção seguinte:
Do centro do coração de Deus, que toda a Terra seja abençoada com amor-bondade.
(sinta a benevolência. Seja um canal de amor e de bondade e compartilhe esses sentimentos com toda Terra).
Que toda a Terra seja abençoada com alegria e felicidade.
(sinta alegria e felicidade e compartilhe esses sentimentos com toda a Terra. Visualize as pessoas – e animais, etc - ... com seus corações cheios de alegria e felicidade. Visualize os problemas dessas pessoas ficando mais leves e suas faces iluminando-se).
Do centro do coração de Deus, que toda a Terra seja abençoada com compreensão, harmonia e paz divina.
(sinta e visualize tudo e todos em harmonia e paz, compreendendo serem parte da unidade do divino).
Que toda a Terra seja abençoada com boa vontade e com desejo de fazer o bem.
(imagine as pessoas não apenas cheias de boas intenções, não apenas falando em fazer alguma coisa boa, mas verdadeiramente realizando essas boas intenções. Este é o sentido de “desejo de fazer o bem”).


Meditação e bênção da Terra com benevolência através dos chacras do coração e da coroa simultaneamente.


Depois de ativar o chacra da coroa, concentre-se simultaneamente nos chacras da coroa e do coração e abençoe a Terra com benevolência por alguns minutos. Isso harmonizará todos os chacras, fazendo com que a bênção seja muito mais poderosa. Imagine a Terra à sua frente. Use essa bênção:
Do centro do coração de Deus, que toda a Terra, cada pessoa, cada ser e cada coisa (objetos materiais, minerais, etc) sejam abençoados com amor e bondade divinos.
(sinta o amor e a bondade divinos e compartilhe esses sentimentos com toda a Terra, incluindo tudo e todos que nela se encontram).
Que toda a Terra, cada pessoa, cada ser e cada coisa sejam abençoados com afeto, desvelo e ternura.
(sinta esse sentimento doce e amoroso e compartilhe-o com toda a Terra).
Do centro do coração de Deus, que toda a Terra, cada pessoa, cada ser e cada coisa sejam abençoados com cura, beleza interior, bem-aventurança divina e unidade divina.
(sinta a bem-aventurança e a unidade divinas e compartilhe esses sentimentos com tudo e todos que habitam na Terra).

Obtenção da iluminação:


Meditação sobre a Luz, sobre o mantra Om ou Amém e sobre o hiato entre dois Oms ou dois Améns. Imagine calmamente uma luz branca fulgurante ou uma luz dourada sobre o chacra da coroa. Sinta a qualidade da energia emitida pela luz. Sinta a paz interior, a serenidade e o contentamento que emanam dessa luz, e tome consciência dessas sensações por alguns minutos. Lenta e simultaneamente, entoe o mantra “om” ou “Amém”. Medite simultaneamente sobre a luz e o mantra. Ao meditar sobre o hiato entre os dois Oms ou Améns, ao mesmo tempo tome consciência da luz, da serenidade e do contentamento. Continue meditando durante uns 10 minutos.
Não se assuste se você sentir uma explosão interior de luz na região da cabeça. Você sentirá essa explosão quando conseguir se concentrar simultaneamente no ponto de luz e no hiato entre dois Oms ou Améns. Todo o seu ser ficará repleto de luz! Você terá seu primeiro vislumbre de iluminação e sua primeira experiência de êxtase divino. (...)
Se você sentir como se estivesse sendo arrancado do corpo ou caminhando dentro de um túnel, deixe que a experiência aconteça por si mesma até que possa sentir-se unido à luz. Se sentir uma escuridão ou “O Grande Vazio” tomando conta de você, isto é bom, pois é simplesmente uma transição de um estado de consciência ordinária para um estado de consciência expansiva. (...) Invoque as bênçãos do Deus Supremo e seus orientadores espirituais para que o conduzam a um nível superior de consciência.
Algumas pessoas precisarão de anos para conseguir um vislumbre inicial da iluminação ou da consciência búdica. Outras poderão precisar de apenas alguns meses, e outras, ainda, de somente algumas semanas ou dias. Poucas pessoas alcançarão a expansão inicial da consciência na primeira tentativa (...)
Ao fazer esta meditação, o aspirante deve manter-se neutro, sem se deixar obcecar por resultados ou por expectativas, pois acabará realmente meditando mais sobre as expectativas ou os resultados esperados do que sobre o ponto de luz, sobre o Om e o hiato entre os dois Oms.

quarta-feira, 10 de dezembro de 2008

Encontro em Fátima














Olá!
Aqui ficam algumas fotos do encontro de Dezembro, com o Carlos e a Ellys.
Também houve reunião da ONG "No estamos solos".

Foi a Ellys que enviou!
Atma Namasté














segunda-feira, 13 de outubro de 2008

Exercício de meditação no Reiki





1. Concentremo-nos em nós, fechando os olhos.
2. Limpemos a nossa mente de todo o pensamento parcial.
3. A nossa mente está quieta.
4. Isolemo-nos de tudo o que nos rodeia.
5. Baixemos a níveis internos de consciência.
6. Sentimos amor fraterno para os nossos irmãos e guias e mestres de Reiki
7. Agora estamos seguros de ter a sua ajuda.
8. Activamos a intensidade da nossa energia anímica até ao grau máximo.
9. Activamos a vibração da nossa energia anímica até ao grau máximo.
10. Activamos o impulso da nossa energia anímica até ao grau máximo.
11. Activamos o tom da nossa energia anímica até ao grau máximo.
12. Agora a nossa energia anímica emite intensos sentimentos de amor.
13. Os nossos intensos sentimentos de amor ampliam-se ao unirem-se com o amor
Divino.
14. O Reiki é o Puro Amor Divino em acção.
15. Agora que nós estamos com as nossas energias anímicas elevadas, tendo a
máxima capacidade de influência e poder, unimo-nos com o Reiki, essa fonte
inesgotável de Amor, Compaixão, cura e Poder de Deus.
16. Dirigimos, pela nossa vontade, as nossas energias anímicas, activadas, unidas
com o sagrado Reiki, até ao habitual, o acostumado tormento pessoal da
imperfeição ou o defeito que queremos dominar ou vencer.
17. Fazemos participar a nossa energia espiritual com a imagem de segurança no
domínio do defeito e de valorização e vantagens de consegui-lo.
18. Dirigimos as nossas energias mentais buscando ser livres de defeito, porque a
força do nosso desejo divino e da nossa vontade divina é superior.
19. Sentimos que os nossos defeitos se debilitam e os dominamos, superando-os.
20. Temos a certeza que a energia do Reiki, associada às nossas determinações da
vontade superior, ajudou-nos a vencer os defeitos e a distanciá-los de nós.
21. Agora dirigimos as nossas energias anímicas, que expressam fortes sentimentos
de amor e fraternidade, entre todos nós, unificados pela energia do Amor
Cósmico e Cura, do Reiki, até direccioná-la ao nosso amado plante Terra que os
guias de Reiki sabem necessitar dessa ajuda. Pedimos-lhes que dirijam esta
energia poderosa para que ela cumpra o plano de servir o Bem Supremo, a
Causa e a Harmonia Universais.
22. Fazemos participar as nossas energias espirituais no alcançar do valor mais
importante que é cumprir a Lei da Fraternidade.
23. Fazemos participar as nossas energias mentais com a consciência do dever como
é importante e necessário servir melhor ao nosso irmão necessitado (ou ao Plano
da Vida).
24. Formamos a imagem mental do que se pode conseguir por intermédio da nossa
ajuda.
25. Exprimimos os nossos sentimentos profundos de agradecimento ao Pai e aos
nossos guias e Mestres de Reiki por nos terem terem ajudado a sermos úteis ao
Planeta e a nós próprios, contribuindo para a cura das nossas imperfeições e
consolidação de uma personalidade equilibrada e harmonizada.
26. Façamos uma respiração lenta e profunda, saindo ao nosso nível externo.
Abramos os olhos.



Ana Magda Dias

amagdadias@gmail.com